Fazendo uma lanterna com um… lápis!

Imagine-se na seguinte situação, dirigindo em uma estrada deserta e escura, quando um dos pneus fura… não tem nem sinal de lua no céu, um breu total. Ai você vai no porta-luvas e não tem lanterna ou esta não funciona (como sempre).

E agora? Você só tem um lápis na sua pasta ou dentro do porta-treco do carro, um canivete ou estilete e uns pedaços de fio… Se você for criativo, pode baixar o espirito do McGyver em você e se virar com isso.

– Ah? Lanterna com um lápis? Brincou…

Não não meu caro fudeba! É possivel sim. Veja o video abaixo e entenda como fazer isto:

O principio é muito básico, é como Thomas Edison descobriu a lâmpada elétrica. Um filamento feito de carbono. O grafite é praticamente carbono puro, e carbono é um condutor (não muito bom) de eletricidade.Eu fiz o teste com grafite de lapiseira de 0,5mm aqui e como já esperado funciona.

Não dura tanto quando o sujeito diz no vídeo, mas serve para demonstrar o principio. A baixa durabilidade deve-se a queima do grafite em oxigenio. Se colocar este filamento improvisado dentro de um vidro e fizer vácuo ou preencher com um gás inerte a durabilidade certamente será maior.

Meu vídeo esta aqui, não e de grande qualidade porque fiz com uma webcam, mas quebra o galho.

Pintura automotiva barata

corsacurb.jpgO autor deste artigo afirma que conseguiu pintar o carro dele, um Corvair, pagando apenas US$50, e não houve a necessidade de nenhum equipamento especial. Não sei qual o material que ele usou (nem se há algum equivalente “nacional”), mas a qualidade final impressiona. Veja você mesmo, inclusive as fotos de 4 e 8 meses depois da pintura.

Se alguém conhecer a tinta equivalente (ou souber onde se encontra aqui no Brasil), por favor não deixe de comentar. Um amigo tem um Voyage 86 que precisa urgentemente de uma pintura…