Camuflagem de bicicleta

bicicleta.jpgSe você anda de bicicleta regularmente, certamente fez um bom investimento, tanto em dinheiro, quanto em horas, para deixá-la de acordo com suas necessidades. Sabe, também, que deixá-la por aí, mesmo que presa, pode ser perigoso. Bicicletas de vários amigos já foram roubadas, e isso sempre acontece na pior hora possível (seu carro está na oficina, está chovendo, já passou da meia noite e não há linhas de ônibus operando para sua casa).

Uma solução ingênua é camuflar a bicicleta. Pintá-la com cor de ferrugem, passar fita isolante nas manoplas do guidão e no selim, trocar os parafusos por Torx, etc.  Este artigo da Makezine mostra como fazer, embora seja bem sucinto.

Carreta para Bicicleta

f50181gf37ow7wumedium.jpgUsando tubos de PVC, conexões e rodas de cortador de grama (dentre outros materiais) é possível construir uma pequena carreta para bicicleta. Útil para pequenas viagens, quando uma mochila não é o bastante. Este artigo mostra como é fácil construir uma, e dá algumas sugestões de uso e mostra como prendê-lo na magrela.

Há também, um outro artigo, do mesmo autor, que mostra como construir uma carreta utilizando tubulações metálicas. É recomendável a leitura dos dois se estiver interessado em montar um equipamento desses.

Carregue dispositivos USB usando sua bicicleta

fnc8je0f3klnuejmedium.jpgCom apenas poucos componentes, este artigo mostra como montar um aparelho para carregar a bateria de dispositivos que são carregados normalmente por uma porta USB. A idéia é utilizar um dínamo para gerar tensão de até 2,5V e carregar um capacitor monstro de 140F (sim, cento e quarenta faradays!), e alimentar um MintyBoost (que utiliza um chaveador para aumentar a tensão), para gerar os 5V da USB.

Com um capacitor desses, você não vai precisar ficar pedalando por horas enquanto o seu celular ou MP3 player carrega a bateria…

Computador de Bordo para Bicicletas

va07.pngUsando um Palm antigo (custando aí na faixa de R$120), é possível montar um computador de bordo para bicicletas com funcionalidades que os aparelhos comerciais encontrados por aí sequer sonham em ter. O software permite gerar gráficos com a velocidade obtida durante um determinado trajeto, possui cronômetro com voltas, odômetro e até mesmo um velocímetro de ponteiro.

Quanto ao hardware, no site há instruções de como montar o sensor. Tudo de código aberto.

Dínamo para Bicicleta

mk12.jpgAcessório de segurança, o dínamo é essencial para quem gosta de pedalar de noite. Existem vários produtos prontos no mercado, mas fazer o seu próprio garante um fator “diversão”.

Este site mostra como fazer um, utilizando uma bobina enrolada em casa e LEDs de alto brilho. O interessante, também, é que não utiliza um motor DC com o eixo em contato com o pneu, mas sim um imã preso no aro da roda; isso aumenta a vida útil do equipamento por não ter partes móveis.